Sábado, 28 de Março de 2009

Marquês de Pombal

O nome do Marquês de Pombal era Sebastião José de Carvalho e Melo, mas todos o conheciam por este título, que lhe foi dado pelo rei D. José.
Sebastião José de Carvalho e Melo nasceu em Lisboa, em 1699. Apesar de pertencer a uma família nobre, os seus pais não tinham muito dinheiro. Mesmo assim, estudou na Universidade de Coimbra.
Entre 1738 e 1749, representou Portugal em Londres (Inglaterra) e em Viena (Áustria) em missões diplomáticas.
Quando D. José subiu ao trono, depois da morte de D. João V, Sebastião José de Carvalho e Melo foi chamado de volta à corte de Lisboa para ser ministro deste rei.
Foi o rei D. José que lhe deu os dois títulos que teve. Primeiro, ganhou o título de Conde de Oeiras, em 1759, e, depois, o de Marquês de Pombal, em 1769.
Durante o seu trabalho como ministro, o Marquês de Pombal fez muitas reformas, que agradaram a alguns, mas na altura desagradaram a muitos.
Por exemplo, foi ele o principal responsável pela expulsão dos Jesuítas (membros de uma ordem religiosa católica), através do encerramento de vários colégios que eles tinham.
O Marquês de Pombal defendia o absolutismo, que é a ideia de que todos os poderes devem estar nas mãos do rei. Foi por isso que tomou uma série de medidas para lhe dar mais poder e retirá-lo a classes sociais como o clero.
Com esse objectivo, protegeu o comércio português, criou companhias monopolistas, reformou a Universidade de Coimbra e reorganizou o exército.
Tudo isto para dar mais poder ao rei, mas era o Marquês que tinha tudo nas mãos!
Além das reformas que fez, o Marquês de Pombal tornou-se uma figura muito importante na História de Portugal por causa do terramoto de Lisboa, que aconteceu em 1755.
Depois do terramoto, o Marquês ficou responsável pela reconstrução da cidade. Foi ele que reconstruiu a baixa lisboeta com todas aquelas ruas paralelas e perpendiculares. Também mandou alterar o modo de construção das casas, para prevenir mais terramotos.
É por isso que a baixa lisboeta é conhecida como "baixa pombalina".
O problema é que a maioria das pessoas (sobretudo nas classes altas, os nobres e o clero) não gostava das reformas que o Marquês estava a fazer, porque lhes retirava privilégios e os impedia de fazerem o que queriam...
Quando o rei D. José morreu e a rainha D. Maria I subiu ao trono, em 1777, o Marquês foi afastado do seu trabalho na corte.
Em 1779, depois de uma queixa contra ele feita por um comerciante muito importante, o Marquês de Pombal foi condenado ao desterro! Como já era muito idoso, não o obrigaram a ir para o estrangeiro.
O Marquês foi, então, para Pombal, onde viveu até ao dia da sua morte, em 8 de Maio de 1782.
Fonte: Site Junior
Assuntos do blog:
publicado por ana às 12:16
link do post | comentar | favorito
Este Blog dedica-se à postagem de fotos,artigos e videos que circulam livremente na internet. Qualquer anomalia ou problema de funcionamento e/ou copyright não é da responsabilidade deste Blog, dado que o mesmo se baseia em hiperligações ou links. Eventuais reclamações e outras solicitações deverão ser feitas unica e exclusivamente nas respectivas fontes de origem. Ana Márcia

.mais sobre mim

.Assuntos do blog

. 16th and 17th

. 2.ª invasão francesa

. 25 de abril

. a acção de d.joão ii

. a carreira da índia

. a crise dinástica e a união ibérica

. a crise do império português do oriente

. a escola de atenas

. a formação da mentalidade moderna

. a peste negra

. a pintura renascentista

. a prioridade inglesa na revolução indust

. a prioridade portuguesa: os conhecimento

. a revolta das colónias americanas

. actividades

. alterações na produção

. antropocentrismo

. arquitectura

. arquitectura do renascimento

. as grandes culturas americanas

. carreira da índia

. como estudar história?

. constituição de 1822

. crise do séc.xiv

. cristóvão colombo

. d. joão vi e a corte no brasil

. da crise comercial às primeiras medidas

. denúncias na inquisição de lisboa

. desafio

. descobrimentos portugueses

. do geocentrismo ao heliocentrismo

. economia global xvii-xviii

. enigma

. estilo manuelino

. filme: novo mundo.

. história pelas imagens

. império português do oriente

. individualismo

. jogos

. karl marx

. lei das sesmarias

. mapas de história

. marquês de pombal

. napoleão bonaparte

. navegação astronómica

. o barroco e a talha dourada

. o capitalismo comercial

. o convento de mafra

. o desastre das ponte das barcas

. o fisiocratismo

. o homem novo

. o humanismo

. o iluminismo

. o liberalismo

. o regicídio

. o séc xiv em portugal

. pintura renascentista em portugal

. porque o mundo mudou...

. reconstrução de lisboa

. reforma e contra-reforma

. reforma protestante

. renascimento

. revolução agricola e industrial

. revolução americana

. revolução demográfica- século xviii

. revolução francesa

. revolução industrial

. s.jorge da mina

. sites

. teatro

. terramoto

. tratado de tordesilhas

. vítimas da inquisição

. todas as tags

.arquivos

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

.posts recentes

. ...

. A Peste Negra

.últ. comentários

fisiogratismo
pois so tenho que agradecer a google portanto espe...

.mais comentados

20 comentários
3 comentários
1 comentário
blogs SAPO

.subscrever feeds